(11) 2308-2982 / 2308-2983
R. Vinte e Oito de Setembro, 733 - Vl. Dom Pedro I - São Paulo/SP - CEP 04267-000 (600m do metrô Alto Ipiranga)

Blog da Clínica Vitalità

Clínica de Reabilitação Integrada

O que é luxação? Conheça os sintomas e como tratar!

A luxação é um tipo de lesão caracterizada pelo deslocamento de um ou mais ossos de uma articulação e é diferente de uma contusão, entorse e fratura.

Luxação é um tipo de lesão caracterizada pelo deslocamento de um ou mais ossos de uma articulação, geralmente acompanhado de uma grave lesão, que pode envolver ligamentos e cápsula articular. Resultado do posicionamento anormal dos dois ossos que formam essa estrutura.

Quando os ossos da articulação são separados dizemos que a articulação está luxada de modo que não possibilitam mais a realização do movimento de forma adequada causando prejuízo funcional a esse paciente.

Temos dois tipos de luxação

Luxação Parcial: onde há uma perda parcial do contato entre os ossos que formam essa articulação podemos chamar também esse caso de subluxação.

Luxação Completa: onde ocorre a perda total do contato entre os ossos que formam essa articulação.

As articulações mais acometidas pelo quadro de luxação e subluxação são: ombro, joelho, quadril, cotovelo e tornozelo.

Causas

A luxação geralmente ocorre por um trauma direto (queda, pancada, choques diretos em esportes como futebol, basquete, rugby), fraqueza muscular, frouxidão ligamentar (que é quando os ligamentos não são fortes o suficiente para manter os ossos que formam a articulação conectados), ou doenças articulares como artrite reumatoide.

Os grupos mais afetados são:

  • Idosos devido a fraqueza muscular global que o processo de envelhecimento trás;  
  • Bebês e crianças por causa que a formação óssea não está completamente consolidada
  • Atletas pelo contato esportivo
  • Pacientes portadores de síndromes congênitas que causam uma frouxidão dos ligamentos ex: Síndrome de Ehlers-Danlos.

Sintomas

Os sinais e sintomas indicativos são:

  • dor intensa,
  • inchaço, acompanhado de calor local,
  • vermelhidão,
  • hematomas,
  • limitações ou incapacidade total na realização dos movimentos e perda da continuidade articular

Leia também: A sua dor é Aguda ou crônica?

Diagnóstico

O diagnóstico é realizado através de exames de imagem (Raio X) é o mais utilizado e de fundamental importância para o diagnóstico, ressonância magnética e tomografia promovem e possibilitam uma avaliação mais detalhada verificando se além da alteração óssea temos também alguma lesão em músculos, ligamentos ou até mesmo nervos.

Complicações

A luxação pode trazer ao paciente algumas complicações caso não seja tratada de maneira adequada o que acaba dificultando o tratamento e o retorno as atividades diárias.

Dentre as mais comuns podemos citar:

  • Lesão neural ocorrendo quando há comprometimento de nervos que passam próximo a articulação luxada;
  • Comprometimento vascular;
  • Rigidez articular;
  • Luxações de repetição;
  • Desgaste articular

Tratamento

  • Redução imediata da articulação que é conhecido como colocar a articulação no “lugar” e vale lembrar que esse procedimento só pode ser realizado por um médico e em ambiente hospitalar pois dependendo da gravidade é necessário em alguns casos procedimento cirúrgico especializado;
  • Imobilização;  
  • Fisioterapia para promover a recuperação o mais breve possível dos movimentos e força do membro afetado para o retorno as atividades de vida diária;
  • Medicamentos que irão auxiliar no quadro de dor e diminuição do inchaço.

Vale lembrar que é importante saber que nem todo tipo de lesão é uma luxação algumas pessoas confundem, entorse, contusão, luxação e fratura, para isso é fundamental saber qual a diferença entre eles.

Diferenças entre Contusão, Entorse e Fratura

Contusão:  refere-se a uma lesão aguda decorrente de um trauma direto (pancada, chute, ou algum outro tipo de golpe) na maioria dos casos sem escoriações, isso acontece pois devido ao choque promovido acaba gerando uma força que comprime o músculo atingido, que provoca dor, rigidez muscular e edema local.  

Entorse: é a perda momentânea da congruência (contato) articular, cápsula articular ou ligamento de uma articulação, o que gera uma distensão excessiva das estruturas que dão estabilidade a articulação; acomete mais comumente atletas ( futebol, basquete, vôlei), mas uma simples caminhada com uma pisada em falso pode levar a um entorse que pode ser caracterizada como leve onde não há ruptura de ligamento ou grave na qual temos ruptura parcial ou total  dos ligamentos envolvidos mas sem deslocamento das superfícies articulares.

As articulações que sofrem entorse com maior frequência são: tornozelo e joelhos.

Fratura: é quando temos  a interrupção da continuidade de um osso (quebra) , independentemente de ser parcial ou completa, A magnitude e o tipo de fratura dependem em grande parte da intensidade de força aplicada sobre o tecido e a direção em que a força foi aplicada.

As causas mais comuns são:

  • acidentes de moto ou carro,
  • quedas  de escadas, locais de grande altitude ou da própria altura (mais comum em idosos),
  • atividades repetitivas,
  • prática esportiva,
  • quadros de osteoporose.

A fratura pode ser fechada e gera lesões nos tecidos moles que circundam esse osso como por exemplo : músculo, nervo, ligamento ou tendão. E a fratura aberta quando se vê fragmentos de osso que ficou exposto nesse caso temos um caso mais grave porque pode haver complicações como infecções no osso ou no ferimento.

O tratamento nas situações apresentadas levam em consideração alguns fatores como : idade do paciente, localização da lesão, intensidade e características da lesão.

O médico ortopedista é que será o responsável pelo diagnóstico e que encaminhará o paciente para o tratamento mais adequado que pode incluir medicamentos para controle da dor, imobilização para uma promoção mais adequada do processo de cicatrização e reparo dos tecidos, cirurgia em casos de maior gravidade e fisioterapia que é de fundamental importância para que o paciente retorne suas atividades de vida diária o mais breve possível e com melhor qualidade de vida.

Clínica Vitalità – Levando a Vida com Qualidade!

Conheça os nossos Serviços e Especialidades e saiba como podemos ajudar você:

Acesse http://www.clinicavitalita.com.br/nossas-especialidades/

Share with friends   
Elisangela Gomes da Silva

Written by

Fisioterapeuta Especialista em Fisioterapia Ortopédica, Fisioterapia Esportiva e Acupuntura. CREFITO: 3/182573-F

Comments 0

Deixe uma resposta